27 anos de tradição
07 a 15 de Julho
Patrocínio

27º Rodeio de Sertãozinho integra pela primeira vez o Circuito Brahma Sertanejo de 07 a 15 de julho

Com espaços e ativações inéditas, o público vai poder degustar a família completa da cerveja durante o evento

Sertãozinho, 02 de junho, 2017 – Se tem algo que os apaixonados pelo mundo sertanejo gostam é de uma boa cerveja acompanhada de montarias emocionantes. E é exatamente isso que promete o 27º Rodeio de Sertãozinho em 2017 com a chegada do Circuito Brahma Sertanejo.

Dentre as novidades, o evento irá contar com espaços Brahma e ativações inéditas por todo o recinto que irão aquecer o público para os dias de festa. De acordo com Guilherme Marconi, sócio diretor da Diverti, agência responsável pela produção do Circuito Brahma Sertanejo, a nova estrutura promete uma experiência cervejeira de verdade, com a qualidade de uma cerveja de 129 anos.

Para o Rodeio de Sertãozinho, por exemplo, estarão disponíveis em todo o parque do rodeio a família completa de Brahma que vai desde a Brahma Pilsen à Brahma Extra Lager, Brahma Extra Red Lager, Brahma Extra Weiss, Brahma Zero e Chopp Brahma. O intuito é que o público possa degustar, harmonizar e aproveitar a cerveja que conta com processo de qualidade rigoroso”, explicou Marconi.

Segundo Felipe Balota, gerente regional de marketing da Ambev no interior de São Paulo, o Circuito Brahma Sertanejo que está presente nos principais eventos sertanejos do país, como a Festão do Peão de Barretos, Festa do Peão de Americana e Ribeirão Rodeio Music também já tem presença confirmada no Rodeio de Sertãozinho. “Há mais de 30 anos, Brahma valoriza a música e a cultura sertaneja que conquista gerações e se renova a cada ano. Para coroar a importância deste movimento, o Circuito Brahma Sertanejo chegou para reunir as melhores festas do interior de São Paulo e Sertãozinho não podia ficar de fora”, garantiu.

A expectativa é a mais positiva para o evento que acontece de 07 a 15 de julho. “Esperamos tornar a festa na cidade ainda mais especial”, concluiu.